O que é Print on Demand

















O que é Print on Demand (P.O.D)?           
Print on demand (impressão sob demanda), às vezes também designada por Book-on-Demand, é um método de impressão e modelo de negócios em que as cópias de um livro (ou qualquer outro documento em formato digital) não são impressas até serem encomendadas.                                 

A impressão sob demanda foi desenvolvida com a tecnologia de 
impressão digital, que permite imprimir cópias de um livro (do formato digital para o papel) no momento em que estas forem solicitadas pelos leitores, reduzindo assim os custos com o stock de livros.



Muitas "editoras" (coloquei propositadamente entre aspas, supostas editoras sem estúdio) cobram-lhe 1000 ou 1200 euros para pagar a uma gráfica que imprime alguns exemplares e depois reenviam os mesmos para si, mas por vezes estão a enganá-lo. 

Pois recorrem igualmente a plataformas POD (print on demand), em que não era necessário um número mínimo de impressões, bastava um exemplar. Contudo, eles mandam imprimir 50 ou 60 exemplares do seu livro para obter um desconto (em grandes volumes, fica mais barato o preço de cada livro), mas cobram-lhe a si o valor normal, de 4 a 5 euros por livro. 

Entende a ilusão?

Prometem colocar o seu livro em lojas como Amazon, FNAC e outras, como se isso justificasse o dinheiro que lhe cobraram.
Eu, por exemplo, quando coloco os meus livros na plataforma POD que utilizo, eles são divulgados em dezenas de outras lojas gratuitamente, seja Amazon, Google Books, Barnes & Noble e muitas outras...A maioria de plataformas faz isso gratuitamente, portanto, se pagou uma elevada quantia de dinheiro, digo-lhe: foi enganado.
Se quiser, imprimo apenas um exemplar do meu livro. Gasto 5 euros, mais portes de envio, e ele fica automaticamente listado no Google Books, Amazon, e outros sites, gratuitamente.


Existe uma grande diferença entre ter o seu livro listado na Amazon (nos resultados) e ter o seu livro impresso e distribuído pela Amazon, uma grande diferença!

Algumas pequenas "editoras" de auto publicação de Portugal apenas listam o seu livro na Amazon, mas ele é impresso e distribuído por terceiros (outra gráfica) e isso encarece o livro e causa atrasos na entrega, pois vai uma comissão para a Amazon, outra para a gráfica e distribuidora. O livro pode custar o dobro e o tempo de entrega até duas semanas. Quem vai comprar um livro assim? 
Muito poucas pessoas.
Os meus livros, coloquei-os mesmo na Amazon (em formato e-book) e a própria Amazon imprime e distribui. Isso torna o preço mais acessível ao cliente e o tempo de entrega até uma semana. Compreende a diferença?

Muitas "editoras" vendem gato por lebre ou publicitam o que não podem cumprir a cem por cento.




ISBN:                                                                                                                                              
O International Standard Book Number, ou seja, um código único internacional que identifica o livro pelo título, autor, país de origem e editor. As editoras em Portugal obtêm um ISBN. Porém, um autor que autopublique terá de obter o ISBN através da APEL (Associação Portuguesa de Editores e Livreiros), ou outro registador, e pagar entre 15€ a 125€. 
Contudo, ao editar na gráfica britânica com a qual trabalhamos, o ISBN é atribuído gratuitamente e impresso na sua capa.
O princípio fundamental do sistema é que cada ISBN identifica um livro numa determinada edição, com todas as vantagens que daí advêm, a nível económico e cultural. Isto, facilita a recuperação e a transmissão de dados em sistemas automatizados, para fins públicos ou privados, facilitando a pesquisa e a actualização bibliográfica, bem como a interligação de bibliotecas e arquivos.

Através da maioria de editoras, terá que registar por si próprio um ISBN e pagar até 120€ (ou então eles incluem isso no pack de investimento).
Com a plataforma que trabalhamos, o ISBN é gratuito.



Sem comentários:

Enviar um comentário